quinta-feira, 29 de dezembro de 2011


"Eu falo demais, digo muitas besteiras da boca pra fora, mas sei que me arrependo por jogar o que não era lixo fora. Brigo, te ignoro, piso na bola. Sinto saudade e choro. Depois digo que é de raiva, pra não assumir que te adoro. [...] Mesmo que o sol se apague e vem a lua te trazer de volta aos sonhos meus e pode passar mil anos você vai me amar e eu vou ser pra sempre sua."


-- Jorge e Mateus (Mil anos - adaptado)

Um comentário:

  1. Brigo, nao ignoro, piso na bola.. sinto saudades e choro =]

    ResponderExcluir